Agrupamento de Escolas Sebastião da Gama adere ao Plano Nacional das Artes

O Agrupamento de Escolas Sebastião da Gama integra, a partir deste ano letivo, o grupo de escolas/agrupamentos que aderiram ao Plano Nacional das Artes(PNA).

Na sua missão, este plano visa promover a transformação social, mobilizando o poder educativo das artes e do património na vida dos cidadãos: para todos e com cada um.

Imbuído nos propósitos do programa de Autonomia e Flexibilidade Curricular, propõe a criação de um Projeto Cultural de Escola (PCE) que proporcionará aos alunos conhecer a sua história local, as personalidades, as obras e os artistas, as tradições, o património natural e cultural, material e imaterial, através de uma proximidade à identidade cultural, patrimonial e artística do território educativo.

A partir do lema do Projeto Educativo do Agrupamento, “Construir uma cidadania ativa e solidária no respeito pela diversidade”, propõe-se explorar no PCE o património azulejar de figura avulsa que cobre parte das paredes do refeitório da escola sede do agrupamento. Neste contexto, surge o tema do projeto, “Um património para o conhecimento.

Paredes do refeitório da escola sede do agrupamento, ES Sebastião da Gama

A diversidade iconográfica representada revela aspetos de uma sociedade tradicional e conservadora de meados do século XX; revela também uma preocupação antropológica que, aos olhos de hoje, nos pode indicar percursos de análise e intervenção potenciadores do conhecimento no processo de ensino e aprendizagem.

As turmas de Artes Visuais deverão ter aqui um papel relevante com produções de caráter artístico e cultural; no entanto, todos os ciclos de ensino e todas as áreas disciplinares poderão, na concretização de Domínios de Autonomia Curricular, planificar atividades em que o património seja o pano de fundo para uma aprendizagem ativa.

Ligações:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *